As dificuldades do mercado para novos graduados

Pulicado em 11/12/2018

Autor: Adriano Borges | IGC Educação

Atualmente, o mercado de trabalho está cada vez mais concorrido e buscando pessoas mais qualificadas. Assim, novos profissionais compartilham da mesma dificuldade: a qualificação.

Quem nunca sonhou com um emprego após acabar a graduação? Pelo menos, essa é a expectativa de muitos estudantes ao estarem encerrando o período acadêmico. Entretanto, não é bem assim que acontece na prática. Muitos alunos ao concluírem sua graduação se deparam com um grande desafio: ingressar no mercado de trabalho.

A dificuldade de achar um emprego assusta os futuros profissionais, que acabam desanimados com a carreira, que ainda nem teve início direito. Alguns até começam a procurar áreas diferentes da formação acadêmica, como é o caso da jovem nutricionista, Clarice Zanoni. “Quando eu estava na faculdade, imaginei que o mercado seria mais amplo. Claro que eu sabia que o país estava e está passando por uma crise, porém, imaginava que ao me formar teria emprego mais fácil, mesmo com um salário pequeno. Entretanto, não foi isso que aconteceu. Hoje penso em outra graduação. Pelo menos, uma área que dê mais oportunidade”, revela Clarice.

Em meio ao desânimo, algumas oportunidades de entrevistas até apareceram para Clarice, mas não resultaram em resultados efetivos de contratação. Segundo ela, participar de diversas entrevistas e não obter sucesso criou outro problema: a frustração com a falta de resultados. “Só aparecem oportunidades quando você é indicado. Fora isso, não te chamam para nenhuma entrevista”, opina.

Assim como a nutricionista, outros profissionais com início de carreira ou estudantes que estão finalizando os estudos, passam pela mesma dificuldade com o mercado de trabalho.

Para a psicóloga organizacional, especialista em Recursos Humanos, Gisele Caldas. Os maiores desafios de um recém-formado ao ingressar no mercado de trabalho são a falta de oportunidades para desenvolver o aprendizado, falta de capacitação dos jovens e falta de interesse e comprometimento desta nova geração. “Vejo nestes jovens, pessoas tão novas, um brilho por desafio, mas não têm paciência para esperar pelos resultados. E, por isso, perdem o interesse muito rápido”, explica Gisele.

Avance!

O mercado está cada vez mais exigente, buscando profissionais mais qualificados e experientes. A psicóloga Gisele faz uma ressalva e relata que as pessoas precisam buscar se qualificar, não perder o entusiasmo e a coragem. Assim, fique atento algumas dicas para ingressar no mercado de trabalho:

– Foque no que é importante;

– Relacione palestras e eventos da sua área;

– Busque se especializar;

– Valorize suas experiências;

– Abrace as oportunidades que aparecerem;

– Nunca pare de estudar, conhecimento nunca é demais;

Adriano Borges | IGC Educação

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos com "*", são obrigatórios.

*


Algumas Sugestões para você

+
Pós-graduação em Psicologia: devo fazer? Qual escolher?

Pulicado em 23/09/2015

Autor: Adriano Borges | IGC Educação

+
Saiba como se sair bem em uma entrevista interna!

Pulicado em 01/03/2017

Autor: Adriano Borges | IGC Educação